21 de setembro de 2010

Pare de Reclamar e Vá Viver

Estava eu no hospital, esperando para tirar radiografia dos dois joelhos para continuar a consulta. Desde criança que eu reclamo de dores nos joelhos e na coluna, devido a um problema de crescimento muscular e muita atividade física. Enquanto eu lamentava todos meus enfermos, avisto um senhor e sua esposa, vindo em direção do mesmo lugar onde eu estava, ele mal conseguia apoiar-se nas suas muletas, suas pernas eram totalmente frágeis e atrofiadas. Eles vieram em direção do lugar onde eu estava, e de repente eu me vi na mesma situação daquele senhor, esperando pelo mesmo exame. Presenciar tal pena me fez ver que meu problema não era tão grave o quanto eu lamentava, me fez ter uma segunda visão das minhas dificuldades.
Muitas vezes você lamenta que tem muitos problemas, que não consegue aguentar tanta dor e sofrimento, exagera dizendo que tem a pior vida do mundo. Não é bem assim.
Onde você procurar irá encontrar exemplos de verdadeiro sofrimento, em qualquer rua, esquina, becos, em qualquer lugar existem pessoas precisando de mais ajuda que você. Como sei disso? Pelo simples fato de você estar lendo esse texto, significa que tem um computador ou acesso a um, isso é muito.
Devemos parar de reclamar de nossas vidas abençoadas, chamando-as de ingratas e sofridas, ninguém realmente sabe o que é sofrer, os cristãos sabem muito bem disso, se acreditarem no sacrifício de Cristo.
Quando se encontrar alguma dificuldade e pensar que não irá superá-la, lembre-se: todo sofrimento é passageiro e necessário, por mínimo ou máximo que seja. Pois é sofrendo que se aprende e resistindo que se supera.

"A morte é mais certa que a vida. Todos morrem, mas nem todos vivem." (Autor desconhecido)

18 de setembro de 2010

Não, Você não é o Centro do Universo

Assista o vídeo até o final, vale a pena!


D'aqui.

Bem, a dica da semana é para aqueles que, assim como eu, são apaixonados por fotografia, querem aprender mais, mas não tem... verba o suficiente para pagar um curso.
A National Geografic lançou um Guia Completo de Fotografia, onde ensina todos os passos básicos, técnicas, dicas, produtos certos para cada pessoa e cada finalidade, até ensina como editar suas fotos, imprimir, tudo para quem não é profissional mas quer fazer trabalhos de qualidade.

17 de setembro de 2010

Cortar o Mal Pela Raiz

Um dia desses eu estava assistindo o jornal da manha, onde passava uma reportagem sobre o tráfico descontrolado de drogas nas grandes cidades e as tentativas em vão feitas pelo governo para tentar convencer os viciados a submeter-se a tratamentos de reabilitação. Ao final da reportagem, o repórter falou algo que me deixou intrigado: " Por que ao invés de somente tentar reconstruir a vida dessas pessoas, não solucionamos aquilo que os levou a tal modo de vida? O que será que leva essas pessoas a querer fazer tais coisas? E o que podemos fazer para não deixar que isso aconteça de novo?".
Muitas vezes nós nos encontramos com problemas e temos que resolvê-los, mas por muitas vezes essas dificuldades retornam tempos depois, as vezes ainda mais intensas.
Não podemos prever que as mesmas tormentas irão retornar depois que passamos uma vez, mas se descobrirmos a sua causa e sua origem, podemos dar um fim definitivo, cortando o mal pela raiz.

9 de setembro de 2010

Vantagem Zero

Em todo lugar onde as pessoas precisam disputar um lugar, um nível ou algum tipo de reconhecimento de outras, sempre existe aquela que tem uma vontade um pouco acima do necessário de conquistar seu objetivo, geralmente passando por cima de todos.
É natural do ser humano o egoísmo, querer ser melhor que os outros. Mas em pleno século XXI é inaceitável que algumas usem da força, não só física, mas verbal, outras até aproveitam-se de suas capacidades e virtudes para pôr os outros para baixo e levar vantagem.
Sempre precisamos dar o nosso melhor, não importa a área de nossas vidas. Porém, quando isso torna-se uma obsessão tão grande a ponto de fazê-lo esquecer a humildade e passar por cima das pessoas, perde todo seu sentido e valor.


Meus queridos leitores! Hoje vou começar algo novo no meu blog, de vez em quando, eu darei aqui dicas de coisas interessantes, como livros, filmes, músicas, textos, blogs... tudo!
Pra começar, eu gostaria de indicar um filme muito bom que vi a algum tempo, "Ensaio Sobre a Cegueira". É uma adaptação do livro de José Saramago. É um filme muito tocante e forte, mas que rende muitas reflexões e, ironicamente, VISÕES novas de alguns pontos.


6 de setembro de 2010

Incansável Luta

Para que serve o sofrimento? Para que serve a tristeza? Para que serve a decepção? Muitos diriam que tais sentimentos existem apenas para dificultar nossas vidas e nos pôr para baixo.
Porém, outros concordariam, mas diriam mais. Servem para dificultar nossas vidas pois em uma vida feita só de caminhos fáceis e sem obstáculos aqueles desmerecedores e imaturos não mudarão de estado. Servem para pôr-nos para baixo sim, pois de toda queda há o reerguimento, há o aprendizado e o fortalecimento.
Muitas pessoas abrem mão de tantos valores e virtudes por medo de cair, por não suportar mais sofrimentos. Um dia essas irão aprender, não importa o quanto demore, que nada na vida é fácil, aquilo que é fácil não é necessário. Se alguém quer algo na vida, precisa passar por tempestades e tormentas para alcança-lo e não importa quantas vezes você caia, cada queda transforma-se em impulso no momento de menor esperança e força de vontade.

para Rebeca Pinheiro.

4 de setembro de 2010

Uma Carta do Inferno

Esse vai para os cristãos, ou melhor, para quem se diz cristão...

1 de setembro de 2010

Adaptar-se, ou não?

Em ambientes onde as pessoas precisam interagir constantemente umas com as outras, causando uma relação de coleguismo ou amizade, sempre há uma "ovelha negra", alguém destoante do comum do determinado ambiente. Geralmente essas pessoas sofrem algum tipo de rejeição natural do grupo, mas será isso um motivo de vergonha?
Ninguém é obrigado a compartilhar os mesmos pensamentos e opiniões, assuntos ou hábitos do grupo qual habita, ainda mais se este for frequentado apenas por obrigação, como colégio ou trabalho.
Depende dos pensamentos e do caráter de cada individuo a vontade de se adaptar ao ambiente convivido, cada pessoa sabe o que quer (pelo menos deveria) e cada um pode seguir suas próprias vontades e crenças, sem preocupar-se com a reação das pessoas ao seu redor.

"Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito, na verdade, está pronto, mas a carne é fraca." (Mateus 26:41)